Encharcada alentejana

Hummmmmmmm.  (salivando a olhar para ela)

Pfffffttttttt....... (a enfiar a colher na dita)

Glup! (culpa, muita culpa depois da deglutição)

10 actos de contrição

10 padre-nossos

10 avé-marias







Uso:

- 18 gemas
- 3 ovos inteiros
- 600gr açúcar refinado ( a moda de Mourão leva açúcar amarelo)
- 300gr de água
- 2 paus de canela






Como?

Assim:
Pomos o açúcar, a água e os paus de canela ao lume até ponto de fio forte/grosso numa frigideira ou tacho de fundo largo.

Enquanto o açúcar não atinge o ponto vamos tratando dos ovos.
Passam-se as gemas e ovos inteiros por um  passador de rede.

Quando o açúcar estiver no ponto, tiram-se os paus de canela.
Depois de coadas passam-se as gemas para um jarro para que possam ser vertidas em fio grosso para dentro da frigideira/tacho e sempre sem cair em cima de gema já vertida. Para tal vamos afastando, com uma colher, a gema que vai cozendo no ponto de açúcar,da que estamos a lançar do jarro.

Passamos para um prato/travessa e levamos ao forno para tostar.

Serve-se fresca e só se polvilha com canela na altura de servir.

Comentários